Pesquisar:
Pesquisa avançada
Pesquisa personalizada
Pesquisas frequentes:
videos  jogos  música  viagens  toques  presentes


Publicações: 28/5/2009 - 0 comentário(s) [ comentário ] - [ ]
Category: Outros

Quantas vezes andei te procurando
Não sei, não contei.
Não percebi que te procurava.
Te queria sem saber,
Te sabia e te amava sem querer.
Te sinto minha, te quero minha.
Não sei se paixão, se amor, se amiga,
Sei que mais do que tudo, te quero comigo.

Quero te ver feliz em minhas manhãs,
Ver teu despertar, teus olhos me encontrando,
Tua boca me deixando sentir teu primeiro gosto,
Teu hálito quente e teu cheiro de sono.
Me misturar com teu sonho,
Sem saber ao certo se já desperto,
Ou se te envolvo em meus encantos,
Em nosso desejo macio e branco,
Perdido e surpreso de tão intenso.
Sentir teu suspiro ao meu toque,
Beijar o teu corpo e ouvir teus gemidos,
Assim te quero, menina, perdida...
Te quero e te chamo, e sem chances,
Simplesmente te abraço,
E deixo minha mão na tua,
Na calma de dois em um só.
Porque já te encontrei,
Porque tu sempre fizeste parte de mim,
E por um querer do destino,
Nosso momento teve seu tempo certo para acontecer.
E sei quem és. Tu sabes de mim.
E deste momento em diante nosso caminho se funde,
Mesmo sem saber ao certo por onde andaremos,
Mas com uma certeza...

que estarei por aqui...

Delicious Digg Facebook Fark MySpace